A Nortox se preocupa com a saúde das pessoas e com o meio ambiente. Por isso, informa as responsabilidades de cada um – agricultor, revendedor ou fabricante – para se adequarem à lei que disciplina a destinação final das embalagens.

 

IMPORTÂNCIA NA DESTINAÇÃO CORRETA DAS EMBALAGENS

A destinação final das embalagens tem fundamental importância, pois é através dela que diminuímos o risco para a saúde das pessoas e de contaminação do meio ambiente. Desde que sejam laváveis, é imprescindível a prática das lavagens das embalagens para a devolução e destinação final correta.

 

TIPOS DE EMBALAGENS

Laváveis: São feitas de plástico duro, vidro ou lata e normalmente contém produtos que devem ser diluídos na água antes de serem pulverizados na lavoura.

 

Não laváveis: Estas embalagens podem estar contaminadas ou não contaminadas. Contaminadas são as embalagens que entram em contato direto com o produto e não podem ser lavadas. As embalagens contaminadas não laváveis são feitas normalmente de material flexível, como saquinhos plásticos, sacos de papel ou sacos plásticos metalizados. Não contaminadas são as embalagens que não estão em contato direto com o produto agrotóxico, como por exemplo caixas de papelão que são usadas para transportar outras embalagens.

Recolhimento de embalagens pelo Inpev, com quem a Nortox mantém parceria

CUIDADOS E RESPONSABILIDADES DOS AGRICULTORES, REVENDEDORES E FABRICANTES PARA CUMPRIR A NOVA LEI DE EMBALAGENS:

O agricultor deve preparar as embalagens vazias para devolvê-las nas unidades de recebimento, considerando que cada tipo de embalagem deve receber um tratamento diferente:

 

Embalagens laváveis:

• Realizar a tríplice lavagem ou lavagem sob pressão durante a preparação da calda para reduzir a contaminação;

• Perfurar o fundo da embalagem para evitar a reutilização;

• Armazenar temporariamente a embalagem com a tampa em local seco e seguro na propriedade para evitar acidentes. Embalagens não-laváveis contaminadas:

• Esvaziar completamente durante o uso para reduzir a contaminação;

• Armazenar temporariamente o saco plástico com as embalagens não laváveis em local seco e seguro na propriedade para evitar acidentes;

• Guardar e fechar dentro de um saco plástico transparente disponível no revendedor, para facilitar o manuseio, a identificação e evitar a contaminação.

 

Embalagens não-laváveis não contaminadas:

• Armazenar temporariamente em local seco e seguro na propriedade para evitar a reutilização.

• O revendedor é a parte mais importante para uma destinação correta das embalagens vazias. Ele deve se responsabilizar por passar as informações aos agricultores sobre os procedimentos corretos a serem tomados.

• Disponibilizar na região uma unidade de recebimento de embalagens vazias de agrotóxico;

• No ato da venda do agrotóxico, informar os agricultores e usuários sobre os procedimentos de manuseio, lavagem, armazenamento e transporte das embalagens;

• Informar aos agricultores e usuários os endereços das unidades de recebimento de embalagens que atendam a sua região.

 

FABRICANTES

Providenciar o recolhimento, a reciclagem ou a destruição das embalagens vazias devolvidas pelos agricultores às unidades de recebimento.