Colheita de soja no Brasil vai a 92% da área; chuva atrapalha no RS

A colheita de soja da safra 2018/19 no Brasil avançou para 92 por cento da área até a última quinta-feira (18), alta de 4 pontos percentuais em uma semana, mas com chuvas no Rio Grande do Sul atrapalhando os trabalhos, informou a AgRural nesta segunda-feira.
 
As atividades de campo estão concentradas basicamente no Estado gaúcho e no Matopiba (Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia), regiões que tradicionalmente cultivam soja de ciclo mais tardio. “No Rio Grande do Sul, as chuvas registradas nesta semana deixaram o ritmo um pouco mais lento, mas as produtividades seguem agradando. No Matopiba, o tempo mais firme desta semana favoreceu o avanço das colheitadeiras”, comentou a consultoria em boletim semanal.
 
“Nesta reta final, a preocupação dos produtores da região (Matopiba) é com áreas que receberam muita chuva no início de abril, quando estavam entrando em maturação. O receio é de que, agora, na colheita dessas áreas, surjam problemas de qualidade causados por aquelas precipitações.”
 
Segundo a AgRural, a colheita nacional está ligeiramente acima dos 91 por cento de um ano atrás e também da média de cinco anos. A consultoria projeta produção total na temporada vigente de 114,6 milhões de toneladas. O Brasil é o maior exportador global da commodity.

Continue Lendo

26 Mar Mensagem ao produtor rural, aos nossos clientes e fornecedores

Mensagem ao produtor rural, aos nossos clientes e fornecedores

Geral

Milhões de pessoas estão isoladas em suas casas devido à pandemia do coronavírus. Porém, para que essas pessoas fiquem em casa, muitas outras precisam trabalhar para garantir itens básicos, como o pão na mesa. É assim no campo, onde o produtor segue trabalhando de sol a sol, é assim com as empresas de transporte, com […]

Mais Detalhes
13 Fev Milho: Mercado brasileiro deve manter preços firmes durante todo ano

Milho: Mercado brasileiro deve manter preços firmes durante todo ano

Economia

O mercado brasileiro de milho deverá manter seus preços fortes e remuneradores durante todo o ano de 2020, segundo avalia o analista Roberto Carlos Rafael, da Germinar Corretora. Os estoques baixos e a demanda firme – tanto no consumo interno, quanto para exportação – deverão ser os dois principais fatores de sustentação dos valores. Rafael […]

Mais Detalhes
27 Jan Silos públicos do Porto de Paranaguá voltam a receber cargas

Silos públicos do Porto de Paranaguá voltam a receber cargas

Economia

Depois de reformas e um ostensivo controle de pragas, os silos públicos horizontais do Corredor de Exportação do Porto de Paranaguá voltam a receber carga. Localizados no cais, em frente aos berços 212 e 213, os armazéns são destinados ao farelo de soja. A expectativa dos operadores é movimentar 120 mil toneladas do produto pela […]

Mais Detalhes